conecte-se conosco


POLICIAL

Mulher é flagrada ao tentar entrar com entorpecentes no presídio da PCE

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Uma mulher que tentava entrar com droga na Penitenciária Central do Estado (PCE), na manhã desta sexta-feira (20.12), em Cuiabá, foi autuada em flagrante pela Polícia Judiciária Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE).

A suspeita B.O.M. de 31 anos foi detida durante procedimento de revista, para entrada de visita na unidade prisional no bairro Jardim Industriário.

Na ocasião, a agente prisional detectou através do aparelho “Body Scanner”, que a visitante carregava internamente um volume na região pélvica.

Logo que constatado se tratar de uma porção grande de maconha, B.O.M. informou que o entorpecente seria entregue para o seu marido que encontra-se recolhido na PCE.

Em seguida, a mulher foi conduzida para DRE, interrogada e autuada por tráfico de drogas. Posteriormente a presa foi encaminhada para audiência de custódia à disposição da Justiça.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Inquérito de homicídio ocorrido em Campo Novo do Parecis é concluído e remetido à Justiça 
publicidade

POLICIAL

Autor de homicídio de vítima que sofreu tortura em Várzea Grande é preso pela Polícia Civil

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

O autor de um homicídio qualificado ocorrido em março deste ano, em Várzea Grande, e identificado nas investigações da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cuiabá (DHPP) foi preso nesta terça-feira, 26 de outubro, por equipes da unidade policial.

O investigado, de 18 anos, foi localizado no bairro 23 de Setembro e tentou fugir ao avistar os policiais civis. Ele pulou muros de residências, mas na fuga acabou encontrando de frente um dos investigadores da DHPP, que o deteve.

O homicídio pelo qual responde o investigado ocorreu no dia 10 de março deste ano e vitimou José Carlos Pereira da Costa, de 26 anos, encontrado aos fundos de uma região de motéis, em via pública, na área central de Várzea Grande. A vítima foi morta de forma cruel e o corpo apresentava sinais de tortura, uma lesão por esgorjamento (corte profundo na parte anterior do pescoço) e lesões causadas por arma cortante e arma de fogo.

A investigação da DHPP conduzida pelo delegado Olímpio da Cunha Fernandes Jr. apurou que o crime foi cometido por motivo banal e envolveu uma rixa por causa de um suposto furto de R$ 90,00 da vítima. Os policiais identificaram que o crime foi cometido por duas pessoas, um familiar da vítima e um amigo, uma delas presa nesta terça-feira.

Após cometer o crime, o investigado fugiu do bairro em que residia e não foi localizado durante as diligências. A prisão foi representada à 1a Vara Criminal de Várzea Grande, que deferiu o pedido diante dos elementos de autoria atribuídos ao rapaz investigado pelo homicídio.

Durante interrogatório na DHPP, ele se manteve em silêncio. O inquérito já foi finalizado e encaminhado à justiça em maio deste ano.

Leia mais:  Investimento em segurança pública reduz em 18% os casos de roubos em MT

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

POLICIAL

Criminoso que roubou mulher em bairro da Capital é preso em flagrante pela Polícia Civil

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Um homem de 40 anos foi preso em flagrante nesta terça-feira (26.10), em Cuiabá, depois de ser identificado em investigação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos como o autor de um roubo ocorrido no bairro Boa Esperança, na tarde de segunda-feira.

Conforme declarações prestadas na Derf de Cuiabá, a vítima, de 56 anos, estava na porta da casa de sua mãe, quando um homem em uma motocicleta preta acenou para ela e ela respondeu, pensado se tratar de um dos vigilantes da rua. O homem seguiu em frente a vítima retornou a sua residência, a pé, quando avistou o suspeito novamente à frente, com a motocicleta parada e falando ao celular.

A mulher seguiu andando e logo em seguida, o suspeito o abordou falando para ela subir na calçada, porém, ela não obedeceu, até que ele parou à frente dela, desceu da moto e a abordou, dizendo que se ela esboçasse qualquer reação, ele atiraria. O homem levantou a roupa mostrando que estava armado. Ele arrancou uma corrente do pescoço da vítima e também pegou alianças que ela usava e disse para a mulher retornar e seguir em sentido contrário à casa dela. Depois disso, o homem fugiu na motocicleta.

A partir da comunicação do crime, as equipes da delegacia iniciaram diligências para identificar o criminoso. Os investigadores reuniram diversas informações, inclusive imagens de câmeras da região, e conseguiram chegar à identificação do autor do roubo, que tem outras passagens criminais pelo mesmo crime.

Ele foi localizado no bairro Ouro Fino, na Capital. Na residência, os investigadores encontraram a mesma roupa que o criminoso utilizava durante o roubo e a motocicleta mostrada nas imagens.

No momento da prisão, o criminoso se mostrou nervoso e agressivo contra os policiais. Encaminhado à delegacia, ele foi autuado em flagrante pelo delegado Guilherme Bertoli e reconhecido em imagens pela vítima do roubo.

Leia mais:  Inquérito de homicídio ocorrido em Campo Novo do Parecis é concluído e remetido à Justiça 

O suspeito do roubo estava em cumprimento de regime semiaberto, com medida cautelar de monitoramento eletrônico pelo mesmo crime. Os policiais localizaram outras passagens criminais por roubos ocorridos em 2010 e 2014.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana