conecte-se conosco


ESPORTES

Ítalo Ferreira conquista título do Circuito Mundial de Surfe

Publicado

O brasileiro Ítalo Ferreira fez história no final da noite desta quinta (19) ao conquistar pela primeira vez o título do Circuito Mundial de Surfe. O feito foi alcançado após ele derrotar Gabriel Medina na final no Billabong Pipe Masters, última etapa do Circuito Mundial de surfe, realizada na ilha de Oahu, no Havaí.

Com o triunfo desta noite o Brasil chega a seu quarto título mundial, após as conquistas de Gabriel Medina em 2014 e 2018, e de Adriano de Souza em 2015.

Ítalo chegou ao Havaí como líder do ranking do campeonato mundial com 51.070 pontos. Isso após a conquista das etapas de Gold Coast (Austrália) e de Peniche (Portugal).

Decisão brasileira

Na decisão Ítalo colocou pressão sobre Medina logo no início ao pegar duas boas ondas na sequência, recebendo 7,83 na primeira e 6,17 na segunda, somando o total de 14 pontos.

Já Medina pega um bom tubo para a esquerda e outro um pouco menor, o que lhe vale o total de 12,27.

OAHU, UNITED STATES - DECEMBER 11: Two-time WSL Champion Gabriel Medina of Brazil advances to Round 4 of the 2019 Billabong Pipe Masters after winning Heat 9 of Round 3 at Pipeline on December 11, 2019 in Oahu, United States. (Photo by Ed Sloane

Gabriel Medina não facilitou para Ítalo Ferreira na final do Pipe Masters – Ed Sloane

O tempo passava, e Ítalo mantinha a vantagem, até que, faltando 13 minutos para o fim, Medina soma 5,17, alcançando o total de 12,94, mas precisando de 6,24 para virar a disputa.

E, faltando 7 minutos para o fim, o potiguar pega uma esquerda que termina com aéreo incrível, somando 7,83. Assim, ele aumentou sua nota total para 15,56 e obrigava Medina a alcançar 7,80.

A partir de então o potiguar passou a administrar a vantagem. Assim, o placar se manteve em 15,56 a 12,94 para Ítalo Ferreira até o final, o que lhe garantiu o título mundial

Leia mais:  De virada, Galo vence Cuiabá e amplia vantagem na liderança

Caminho até a final

Após sete dias sem disputas, por conta da falta de boas ondas, a disputa da última etapa do Circuito Mundial de surfe foi reiniciada com a disputa das oitavas de final. Nesta etapa Ítalo deixou para trás o brasileiro Peterson Crisanto, vencendo por 11,84 a 4,23. O adversário nas quartas foi outro brazuca, Yago Dora, superado por 15,66 a 13,50. Por fim, nas semifinais o brasileiro teve o privilégio de superar o norte-americano, 11 vezes campeão, Kelly Slater por 14,77 a 2,57.

OAHU, UNITED STATES - DECEMBER 11: Italo Ferreira of Brazil advances to Round 4 of the 2019 Billabong Pipe Masters after winning Heat 1 of Round 3 at Pipeline on December 11, 2019 in Oahu, United States. (Photo by Tony Heff/WSL via Getty Images)

Ítalo Ferreira fez história ao garantir o quarto título do Brasil no Circuito Mundial – Tony Heff

Após a derrota, o surfista de 47 anos disse que continua na ativa no ano de 2020.

Medina também não teve facilidade no caminho até a decisão. Nas oitavas ele deixou para trás o também brasileiro Caio Ibelli por 4,23 a 1,13. Nas quartas de final o desafio foi superar o havaiano, bicampeão mundial, John John Florence. O triunfo foi de 17,63 a 12,33. O último desafio antes da grande decisão foi o norte-americano Griffin Colapinto. O surfista de Maresias passou após vencer por 13,00 a 7,10.

Tóquio 2020

Agora a expectativa se volta para a participação do Brasil nos Jogos de 2020, em Tóquio, onde os representantes do país serão justamente Ítalo Ferreira e Gabriel Medina.

Edição: Fábio Lisboa

Comentários Facebook
publicidade

ESPORTES

Flamengo finaliza a preparação para o jogo de volta contra o Athletico-PR, pela Copa do Brasil

Publicado


Tudo pronto, Nação! Na tarde desta terça-feira (26), o Flamengo encerrou a preparação no Ninho do Urubu para a partida contra o Athletico-PR, que será disputada amanhã (27), às 21h30, no Maracanã. O confronto é válido pelo jogo da volta das semifinais da Copa do Brasil.

O técnico Renato Gaúcho comandou uma atividade tática no campo do CT. Vale lembrar que o jogo de ida terminou empatado em 2 a 2. O Rubro-Negro se classifica para a final com uma vitória simples por qualquer placar. Em caso de empate, a decisão irá para os pênaltis.

Fonte: https://www.flamengo.com.br/noticias/futebol/flamengo-finaliza-a-preparacao-para-o-jogo-de-volta-contra-o-athletico-pr–pela-copa-do-brasil

COMENTE ABAIXO:

Comentários Facebook
Leia mais:  Em confronto do G4, Goiás e Botafogo empatam na serrinha 1×1
Continue lendo

ESPORTES

Em confronto do G4, Goiás e Botafogo empatam na serrinha 1×1

Publicado


O gol do esmeraldino foi marcado por Hugo, na noite desta terça (26) na Serrinha.

Na noite desta terça (26), o Goiás entrou em campo pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B 2021, o duelo foi com o Botafogo, e aconteceu no estádio Hailé Pinheiro em Goiânia (GO).

Resumo dos 90 minutos

A partida começou decisiva, começou com o Goiás no ataque e abrindo o placar antes dos cinco minutos.

4 minutos: Diego é lançado em profundidade na ponta direita e cruza rasteiro para Nicolas, que deixa passar e o zagueiro do Botafogo recua mal, o lateral Hugo, ligado, rouba a bola e manda para o fundo do gol, abrindo o placar na Serrinha. Goiás 1 x 0 Botafogo. Assista ao gol: ge.globo.com/futebol/video/aos-4-min-do-1o-tempo-gol-de-dentro-da-area-de-hugo-do-goias-contra-o-botafogo-9984903.ghtml

Foto: Reprodução/Sportv

10minutos: O Botafogo empatou com um gol de cabeça. Goiás 1 x 1 Botafogo.

Após o empate o Goiás continuou em busca da vitória.

Aos 19 minutos, após a pressão esmeraldina, Hugo pegou o rebote e acertou um lindo chute de fora da área, obrigando o goleiro do Botafogo a espalmar para escanteio; na cobrança a bola passou com perigo pela área, mas a zaga do adversário tirou o bola.

24 minutos: Hugo aparece novamente pelo lado esquerdo, finaliza para a defesa do goleiro.

32 minutos: Elvis lança Alef Manga em velocidade, a zaga do Botafogo joga para escanteio, na cobrança David Duarte cabeceia para fora.

42 minutos: O Goiás perde grande chance, Elvis cobra o escanteio e David Duarte sobe mais alto que a defesa e cabeceia, a bola passa raspando a trave, por muito pouco o Goiás não marca o segundo gol.

46 minutos: Luan recebe pela direita, enfia boa bola para Diego que é derrubado pelo adversário, muito perto da linha da grande área.

Leia mais:  São Paulo é derrotado pelo Red Bull Bragantino no Brasileirão

Apesar de toda pressão esmeraldina, o primeiro tempo terminou empatado. Goiás 1 x 1 Botafogo.

Segundo tempo

O Goiás voltou pressionando na segunda etapa, logo aos 4 minutos, Diego fez cruzamento fechado pela direita, por pouco a bola não entra no gol.

10 minutos: Goiás sai em velocidade, Alef Manga arranca pela esquerda e chuta para o gol de fora da área, o goleiro do Botafogo defende.

11 minutos: Luan Dias faz boa jogada pela direita e rola para o meio da área, Alef Manga aparece na marca do pênalti e finaliza, a bola vai por cima do gol, boa chance do esmeraldino.

15 minutos: O Botafogo chegou em velocidade, o atacante foi lançado e a defesa esmeraldina se recuperou bem e tirou o perigo.

22 minutos: Elvis domina na entrada da área e finaliza, a bola vai por cima do gol.

22 minutos: O técnico Marcelo Cabo promove três alterações no Goiás, entraram Dadá Belmonte, Welliton e Rezende, para as saídas de Nicolas, Luan Dias e Caio Vinícius.

34 minutos: Alef Manga deixa o campo para a entrada do prata da casa Pedro Bahia.

35 minutos: O Botafogo teve falta próxima da área, na cobrança a zaga esmeraldina tirou o perigo.

O final da partida as duas equipes tiveram chances, mas o confronto terminou igual. Goiás 1 x 1 Botafogo.

Com o empate o Goiás segue no G-4, o Verdão tem 53 pontos conquistados.

O Goiás volta a campo na próxima terça 2 de novembro (feriado), para encarar a Ponte Preta, às 19h, no estádio Hailé Pinheiro, o confronto será válido pela 33ª rodada do Brasileirão Série B 2021.


Terça 26 de outubro, 2021
Goiás x Botafogo
Estádio Hailé Pinheiro – Goiânia (GO)
Brasileirão Série B – 32ª Rodada

Goiás: Tadeu, Diego, David Duarte, Reynaldo, Caio Vinícius, Hugo, Luan Dias, Fellipe Bastos, Nicolas, Elvis e Alef Manga.
Suplentes: Marcelo Rangel, Matheus Salustiano, Lucas Black, Daniel de Pauli, Artur, Welliton, Bruno Mezenga, Dadá Belmonte, Albano, Pedro Bahia, Ivan e Rezende.
Técnico: Marcelo Cabo

Botafogo: Diego Lourenço, Kanu, Joel Carli, Diego Gonçalves, Chay, Hugo, Daniel Borges, Barreto, Warley, Pedro Castro e  Rafael Navarro.
Técnico: Enderson Moreira

fonte: https://www.goiasec.com.br/em-confronto-do-g-4-goias-e-botafogo-empatam-1-a-1/

COMENTE ABAIXO:

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana